Redes Sociais

twitterfacebookgoogle pluslinkedinrss feedemail

quarta-feira, 18 de abril de 2012

12 municípios, em PE, declaram situação de emergência pela seca

Há 8 meses não chove em Taquaritinga do Norte, no Agreste. Por causa disso, foi decretada situação de emergência na cidade.

O longo período sem chuvas tem causado muitos problemas nas áreas rurais de alguns municípios do Agreste do Estado. Em Taquaritinga do Norte, está cada vez mais difícil plantar e até mesmo alimentar os animais.

Há 8 meses não chove no município. Por causa disso, foi decretada situação de emergência.
Solo rachado e nenhuma gota d’água. Há um ano e meio o açude seria uma ajuda para as 13 famílias do assentamento Capoeira da Roça, a 17 Km  do centro da cidade. Mas, desde que foi construído, ele passou a maior parte do tempo vazio.

No barreiro do sítio de dona Maria José o pouco que sobrou só serve para o gado. A comida dos animais também está escassa. A palma é uma opção, mas para que eles não fiquem fracos a agricultora usa um complemento.

Num pasto seco, olhando de perto o capim, dá pra ver alguns galhos verdes em meio aos outros amarelados. Isso aconteceu porque choveu um pouco, apenas uma garôa. Mas a quantidade não foi suficiente para molhar o solo. Com isso, a planta não se desenvolveu.

Plantar com o solo assim é um risco.
A falta de chuva fez seu José Galdino adiar o plantio de milho e feijão.
Já são 12 os municípios pernambucanos que decretaram “situação de emergência” por causa da seca.

 fonte: mais ab

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe abaixo o seu comentário sobre esse artigo.

Seguidores

 

Arquivo