Redes Sociais

twitterfacebookgoogle pluslinkedinrss feedemail

segunda-feira, 12 de setembro de 2011

Prefeito de Águas Belas sofre atentado em 11 de setembro

Era 1h e 39 min de domingo, quando o Prefeito de Águas Belas, Genivaldo Menezes, a primeira dama, Socorro Delgado e seus quatro empregados foram surpreendidos com o barulho do interfone e do fogo nas portas. Segundo a empregada da casa, Selma Terto de Souza, o fogo chegava a um metro do chão. “Foi muito rápido, o porteiro com ajuda dos vizihos jogaram água e conseguiram apagar o fogo”.
A primeira dama, Socorro Delgado, grávida de três meses chamou a polícia. A viatura com quatro agentes chegou em seguida e registraram a ocorrência. José Macário de Brito foi reconhecido ao assistirem as gravações da câmera de segurança da casa, onde jogava gasolina na porta, ateava fogo e corria.
Preso e solto há algumas semanas por roubo de moto, José Macário de Brito, 41 anos, mora com o pai e está desempregado. Militante político do partido de oposição ao Governo, Macário também é suspeito de ter ateado gasolina e fogo no carro do Assessor do prefeito Genivaldo, Alan Roberto conhecido como Buda na madrugada de sábado (10-9).

fonte: buique e cia


0 comentários:

Postar um comentário

Deixe abaixo o seu comentário sobre esse artigo.

Seguidores

 

Arquivo